recent posts

29 março 2015

1 ano de Blog


Olá Brigadeiros. 


Tudo bem? Comigo sim, obrigada por perguntar! Hoje é dia de comemoração, afinal o nosso Aegyo Pudim completou 1 ano de existência e como uma "mãe" coruja não irei deixar em branco. Estava pensando em fazer um sorteio, mas infelizmente desistir porque vai ter um evento de kpop aqui e  não poderei gastar dinheiro até lá,  então vamos deixar para uma outra data, ok?  O que eu resolvi fazer no lugar é um especial como Retrospectivas. 

28 março 2015

Anime: Tokyo Ghoul

Olá Brigadeiros.

Tudo bem com vocês meu povo? Pois bem, como prometido assim que terminasse Tokyo Ghoul 2 iria postar no blog uma resenha sobre ele e então estamos aqui. Digamos que o anime dividiu um pouco minha opinião, pois amei e ao mesmo tempo não, mesmo assim quero considera-lo como favorito ( Não tentem me entender, vai ser pior!).  Com essa introdução confusa vou logo começar a resenha. 

Nome: Tokyo Ghoul.
Gênero: Ação, Sobrenatural, Terror, Drama e Psicológico.
País: Japão.
Ano: 2014 e 2015. 
Episódios: 1° Temp. 12 e 2° temp. 12 (24 no total).
Nota: ♥♥♥[+]
Sinopse: Tokyo está tomada por misteriosas criaturas que devoram humanos. Apavoradas, as pessoas não sabem como identificar esses seres terríveis, pois eles se passam com perfeição por humanos comuns. Neste ambiente temos Kaneki, um jovem universitário comum, e ele é fascinado por Rize, uma jovem que ama ler os mesmos livros de terror que ele e frequenta um café nas redondezas. Mas esse pequeno mundo onde Kaneki vive está preste a mudar…


Opinião: Indico esse anime para quem quer ver sangue + uma boa historia, posso até ser suspeita para falar, porque adoro animes desse gênero ( Não. Eu não sou psicopata). Sabe vou esclarecer uma coisa, gosto de animes desse gênero, porque  geralmente fazem criticas bem forte a sociedade e no Tokyo Ghoul não foi diferente, se você vê-lo com outros olhos vai perceber o que estou falando, como por exemplo ele mostrou os dois lado da moeda e que por mais que os humanos estejam com medo do " monstro" muitas vezes eles agem como um. Agora a parte que muitas pessoas não gostaram foi o final e o fato de o Ken deixar de ser um inútil só na segunda temporada, mas ao longa da resenha vou te explicar melhor, então não pare aqui, por favor!

22 março 2015

Clichês que não suporto mais.

Rain love 😍

Olá Brigadeiros.

Como vocês estão? Eu estou bem e espero que vocês também estejam. Pois bem, no momento estou viciada num anime chamado Tokyo Ghoul e é simplesmente perfeito, não vejo a hora de lançarem o próximo capitulo quinta-feira e ai eu posto aqui no blog sobre ele. Enquanto isso, vou fazer um post de clichês que já estão tão manjados que meio que não gosto mais, afinal não custa nada inovar um pouquinho. 

19 março 2015

Novo Layout


Olá Brigadeiros.

E ai o que acharam do meu novo layout? Ele era um layout free (Fucking Monster) os crédito estão lá em baixo. E para deixa-lo a minha cara fiz algumas reformas com ajuda de alguns blogs, que depois colocarei os créditos. Um aviso aos afiliados, quando eu coloquei o layout, o gadget de afiliados foi excluído e acabei colocando em uma pagina os que eu lembrava, por isso se seu blog não estiver lá, avise o mais rápido possível, ok? Desde já agradeço. 

15 março 2015

Dorama: Kill me, Heal me.

Olá Brigadeiros. 

Ta a maior ventania aqui perto de casa e meio que dar medo por causa da arvore que tem aqui perto, sendo assim vamos torce para que pare logo. É com uma enorme tristeza que digo " Acabou Kill me, Heal me", sabe esse foi a maior surpresa para mim, já que, jurava que iria me decepcionar com essa historia, mas como dar para ver amei para caramba e estou apaixonada por ele.


Nome: Kill me, Heal me.
Gênero: Comédia, Romance, Drama, Mistério.
País: Coreia do Sul.
Ano: 2015
Episódios: 20
Nota: ♥♥♥♥♥[+]
SinopseCha Do Hyun (Ji Sung) é a terceira geração de uma família chaebol que sofre de transtorno de personalidade múltipla depois de passar por inúmeros traumas. Enquanto ele tenta voltar à sua vida normal com a ajuda de um médico residente, Oh Jin Ri (Hwang Jung Eum). As "sete pessoas" que ele criou em seu corpo começam uma batalha para ser o ditador final que terá o controle sobre sua vida.

Opinião: Como dito antes amei muito esse dorama. E para ser sincera só comecei a assistir por causa do casal principal, que é o mesmo do dorama Secret e como nele, nesse eles ostentaram Química. Sobre a historia só pela a sinopse dar para ver como ela é bem original e por isso fiquei com medo de me decepcionar como aconteceu no Iron Man, mas para minha surpresa o roteiro foi bem construído e valeu a pena. 

13 março 2015

Especial sexta-feria 13: Mangás de Terror.



Olá Brigadeiros.


Gente vocês nem imaginam o quanto esperei pela sexta-feira 13 para poder fazer um post comemorativo, já que são poucos os que tem no blog. Sabe escolhi fazer o post sobre recomendação de mangá de terror, pois era a coisa mais sombrinha que minha mente conseguiu bolar, afinal não tenho muito tempo para mim depois que comecei o colégio. 

11 março 2015

Minha Fanfic: O Segredo


Olá Brigadeiros.


Gente voltei mais cedo hoje, porque  dois professores faltaram, então aproveitei para ficar atoa no Facebook e agora decidi divulgar a minha Fanfic para vocês. Tipo por eu ser nova no Spirit não tenho quase nenhum leitor ou amigo, sem falar que ainda não sei mexer direito. Por isso espero que me deem uma forcinha. 

07 março 2015

Recomendação de jogo para Android: Plague Inc


Olá Brigadeiros.

Há quanto tempo, não? ~Sorry. Pois bem, para me redimir decidir fazer uma indicação de jogo que tá viciando geral lá na minha escola e vou fala também o motivo dele ser tão viciante. Antes de mais nada quero avisar que estou começando uma fanfic e queria muito receber o apoio de vocês e assim que publicar vou botar o link no blog caso tenha alguém interessado em ler. 

03 março 2015

Filme: Operação Big Hero.

Olá Brigadeiros.

Falta exatamente 2 horas para minha aula começar, mas como não conseguir postar ontem como desejado, resolvi que esse tempo que tenho livre vou dedicar a vocês meus pequenos. Sabe depois do enorme sucesso de Frozen que me deixou por fora de muitas conversa por não ter o assistido, resolvi não cometer o mesmo erro com o Operação Big Hero e em pleno Domingo resolvi baixar e ver em família, fiquei até então me perguntando o porque dele não ter sido tão comentado como o Frozen, já que, o filme é muito bom e muitos vão me bater, mas achei até mesmo melhor. 

Nome: Operação Big Hero.
Gênero: Comédia, Animação, Ação, Ficção.
País: EUA
Ano: 2014
Duração: 1h42 min
Nota: ♥♥♥♥[+]
Sinopse: Cidade de San Fransokyo, Estados Unidos. Hiro Hamada é um garoto prodígio que, aos 13 anos, criou um poderoso robô para participar de lutas clandestinas, onde tenta ganhar um bom dinheiro. Seu irmão, Tadashi , deseja atraí-lo para algo mais útil e resolve levá-lo até o laboratório onde trabalha, que está repleto de invenções. Hiro conhece os amigos de Tadashi e logo se interessa em estudar ali. Para tanto ele precisa fazer a apresentação de uma grande invenção, de forma a convencer o professor Callahan  a matriculá-lo. Entretanto, as coisas não saem como ele imaginava e Hiro, deprimido, encontra auxílio inesperado através do robô inflável Baymax , criado pelo irmão.

Opinião: Bigmax é uma fofura de robô queria uma para mim (rsrs). Como adoro a cultura asiática, incluído Japão, adorei o fato dos personagens terem nomes orientais e também ter aquela semelhança com os japoneses, entende? A historia é bem divertida e ainda tem aquela trama que te prende. Para você que é nerd vai gostar de saber que o grande diferencial do filme é que os heróis  não possuem nenhum poder a não ser sua inteligencia.  E com certeza irei procurar o HQ no qual foi baseado. 

01 março 2015

100 seguidores + Coisas idiotas que já fiz.


Olá Brigadeiros.

Para começar estou muito feliz, já que, ontem completei minha meta de 100 seguidores antes de um ano de blog, mas isso só foi possível graças à vocês brigadeiros, por isso muito obrigada.  Contudo o post não irá falar só sobre isso, vim trazer também um post pessoal e engraçado que espero que gostem. 

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo