recent posts

29 dezembro 2015

Livro: Veneno + Desafio I Dare You!

Olá Brigadeiros.

O ano está preste  acabar e felizmente foi um ano tranquilo na minha vida, pena que não posso falar o mesmo do mundo... Enfim basta torcer para que em 2016 seja um ano bem melhor e chega de discurso de final de ano, até porque não sou boa com isso. Hoje vim trazer para vocês uma Resenha do primeiro livro da Saga Encantas, Veneno, que foi uma leitura bem rápida e depois dele nunca mais vou olhar Branca de Neve como antes. Além disso vou falar sobre um Desafia que vi no blog Sessão Proibida e que gostei, mas isso vocês iram ver logo, logo.

Nome: Veneno 
Gênero: Fantasia e Romance. 
Paginas: 224
Ano: 2013
Nota:♥♥
Sinopse: Sexy, sarcástico e de prender a respiração! Para os fãs de Once Upon a Time e Grimm, Veneno é a prova de que contos de fadas são para adultos! Não existe “Felizes para sempre”! Você já pensou que uma rainha má tem seus motivos para agir como tal? E que princesas podem ser extremamente mimadas? E que príncipes não são encantados e reinos distantes também têm problemas reais? Então este livro é para você! Em Veneno, a autora Sarah Pinborough reconta a história de Branca de Neve de maneira sarcástica, madura e sem rodeios. Todos os personagens que nos cativaram por anos estão lá, mas seriam eles tão tolos quanto aparentam? Acompanhe a história de Branca de Neve e seu embate com a Rainha, sua madrasta. Você vai entender por que nem todos são só bons ou maus e que talvez o que seria “um final feliz” pode se tornar o pior dos pesadelos! Veneno é o primeiro livro da trilogia Encantadas, e já é um best-seller inglês. Sarah Pinborough coloca os contos de fadas de ponta-cabeça e narra histórias surpreendentes que a Disney jamais ousaria contar. Com um realismo cínico e cenas fortes, o leitor será levado a questionar, finalmente, quem são os mocinhos e quem são os vilões dos livros de fantasia! Palavra da editora: Veneno é um livro tenro como uma maçã envenenada. Belo como os vilões costumam ser. Sarcástico como príncipes mimados. E sem finais felizes porque já estamos bastante crescidinhos! (E, ainda assim, é um dos finais mais chocantes da ficção atual!)

Opinião: Sempre gostei de contos de fadas e um dos meus favoritos de quando criança era Branca de Neve ( Até fiz ela em uma peça na escolinha), certo que quando cresci o meu lado feminista, fez com que olhasse diferente para ele e  como não é de se estranhar sou fã de versões modernas de contos. O que me atraiu na Saga Encantada é que sempre quis conhecer o lado dos vilões e essa é a proposta do livro, mostrar ambos os lado de uma forma bem diferente da Disney, além de que, gostei do fato de não terem feito os mocinhos perfeitos e angelicais.

27 dezembro 2015

Livro: Não Brinque com Fogo.

Olá Brigadeiros.

Tudo bem minha gente? Como foi o natal de vocês? Ah, o meu foi um pouco chatinho, mas nada com qual não tenha me acostumado. Lembra quando falei que meus livros do Jonh Verdon chegaram? Estava ansiosa para ler-los e hoje trago a Resenha de Não Brinque com Fogo e já vou logo adiantado que adorei o livro, então podem apostar que o post vai ser bem positivo. 

Nome: Não Brinque com Fogo.
Gênero: Mistério, Suspense e Investigação Criminal.
Paginas: 399
Ano: 2013
Nota: ♥♥♥♥
Sinopse: No ano 2000, um criminoso que ficou conhecido como Bom Pastor matou seis pessoas em estradas, dentro de seus carros em movimento. Na época, ele enviou um manifesto à polícia no qual deixava claras suas motivações: uma cruzada solitária contra a ganância. Após o sexto assassinato, no entanto, encerrou a matança e nunca foi descoberto. Dez anos depois, uma jovem estudante de jornalismo está fazendo um documentário sobre os familiares das vítimas quando coisas estranhas começam a acontecer em sua casa. Objetos são trocados de lugar, maçanetas são afrouxadas, luzes se apagam sozinhas. Assustada, ela contrata Dave Gurney como consultor. Depois de ler o material sobre o caso – incluindo o perfil psicológico do assassino elaborado pelo FBI –, o detetive coloca em dúvida toda a lógica da investigação. Ao confrontar os agentes responsáveis, porém, Dave percebe que está mexendo em um ninho de vespas, o que fica evidente quando até pessoas que o apoiaram no passado se voltam contra ele. Agora seu único aliado é o antigo parceiro Jack Hardwick, um policial grosseirão e debochado que não esconde seu desprezo pelas autoridades. Com sua ajuda, Dave tem acesso aos relatórios confidenciais do caso e começa a própria investigação. Mais uma vez, ele se colocará em risco enquanto tenta provar seu ponto de vista e capturar o criminoso. Além de reunir todas as qualidades da série Dave Gurney – personagens bem construídos e uma admirável engenhosidade narrativa –, “Não Brinque Com Fogo” vai além: é um lembrete do poder da fé em si mesmo num mundo onde isso é cada vez mais raro.

Opinião: Primeiramente não li os dois livros que antecedem a esse, então foi meio que uma surpresa boa conhecer a escrita do autor e claro seu personagem tão intrigante. Estava esperando algo que já estou acostumada, mas a verdade foi que seguiu um caminho bem diferente, tanto na maneira em que o Bom Pastor agia, quanto ao raciocínio de Dave Gurney. Além disso, a escrita nos leva a tentar resolver o caso e confesso que me peguei em vários momentos pensando sobre quem seria o verdadeiro Bom Pastor e principalmente qual seria o motivo para os assassinatos em serie. O final foi digamos... Revelador e acreditam que falhei totalmente, já que, suspeitei de todos, menos do verdadeiro assassino. (rsrs)

23 dezembro 2015

Dorama: Splash Splash Love

Olá Brigadeiros

Tudo bem? Não estava planejando fazer uma Resenha de dorama, mas o Viki liberou a legenda em português desse especial e eu estava com tanta vontade de assistir, afinal são apenas 2 episódios! Mesmo sendo curtinho, ele ainda superou muito dorama ai. A historia é diferente e muito divertida, além é claro de ter boas cenas de romance. Por ser curto a Resenha vai ter que se curtinha também, para não soltar spoilers desnecessários.    

Nome: Splash Splash Love.
Gênero: Comédia Romântica, Histórico, Fantasia. 
Ano: 2015.
País: Coreia do Sul.
Episódios: 2
Nota: ♥♥♥♥♥ [+]
Sinopse: Dan Bi é uma colegial que odeia matemática, no dia de seu vestibular , devido a pressão sobre o seu futuro ela se vê perdida e resolve fugir. Neste dia chuvoso particular, ela salta em uma poça e viaja de volta para a Dinastia Joseon , onde ela encontra o jovem rei Lee Do que está passando por uma situação complicada devido ao período de seca. Quando ela tenta dizer ao tribunal que é uma " gosam " é confundida com eununco que pode trazer chuva. Afim de ser manter viva, ela tenta se mostrar útil para Rei, dizendo que sabe matemática e que poderia passar seus ensinamentos para ele.

Opinião: Como já havia dito, por mais que o dorama tenha sido curto, ele ainda conseguiu superar muitos por ai. O roteiro é original e teve uma boa mistura de gêneros. Uma das vantagens de se ver especial, é que as coisas seguem de forma direta e sem enrolação e no Splash Spalash Love não foi diferente. A escolha do elenco também contou muito, já que, os dois atores combinam muito e fico feliz que finalmente a Kim Seul Gi tenha ganhado o papel de principal, confesso que adorei ela junto com Doo Joon. Também não posso deixar de comentar o romance, pois aconteceu de uma forma natural  e claro teve cenas fofas e hilarias. 

22 dezembro 2015

Dorama: Cheer Up / Sassy Go Go

Olá Brigadeiros.

Tudo bem com vocês? Ah, comigo ótimo, hoje o clima está agradável e espero que continue assim, ninguém merece ficar muito tempo no calor. Trago uma Resenha do dorama que terminei Domingo. só vim faze-la agora, por que estava criando gifs para ela. Comentando um pouco o dorama, estava tentando evitar os gêneros escolares e clichês, mas por algum motivo fui conquistada por ele. Sabe ele se diferencia dos outros e nesse post vou tentar dizer o por quê. 

Nome: Cheer Up, Sassy Go Go.
Gênero: Escolar, Comédia, Romance e Drama.
Ano: 2015.
País: Coreia do Sul.
Episódios: 12
Nota: ♥♥♥♥♥ [+]
Sinopse: Este é um drama sobre um grupo de cheerleading (animadoras de torcida) no ensino médio. A história é sobre as amizades e paixões de quando somos jovens e como lidar com um ambiente educacional que enfatiza a dura concorrência. Kang Yeon Doo (Jung Eun Ji) é uma garota popular entre seus amigos da escola por sua grande disposição e sua atitude honesta. Ela é a líder da equipe de cheerleader e brilha quando está praticando o esporte, mas é intimidada por ser a ultima da classe, em uma escola onde só os mais inteligentes podem participar. 

Opinião: Como disse esse dorama tem alguns clichês e ao mesmo tempo consegue se diferenciar de outros do mesmo estilo. Ele foca na pressão e na competitividade que os jovens tem que aguentar no ensino médio e como a nossa protagonista prefere viver sua  juventude, mesmo tendo que aguentar o preconceito pela sua notas. Acreditam que mesmo a vilã tendo sido bem vaquinha, ainda consegui ter empatia por ela? Pois é, mudando um pouco de assunto... A historia tem um toque de comédia e não tem como não ri, fora isso está recheada de momentos fofos.

21 dezembro 2015

Wishlist: Listinha de Natal.

Olá Brigadeiros.

Gente terminei de assistir Cheer Up, então se preparem que longo venho com uma resenha positiva, já que, amei o dorama. Como estamos em uma semana natalina, resolvi fazer minha listinha de natal, embora eu saiba que não vou ganhar nada dela (rsrs).

17 dezembro 2015

Livro: O Reino das Vozes que não se calam.

Olá, Brigadeiros.

Tudo bem? Sei que é atrasado, mas adivinha quem tem agora www? Gente finalmente criei vergonha na cara e peguei minhas economias para comprar um domínio (rsrs). Hoje o dia amanheceu chovendo e embora preferisse verão, estou gostado do clima, por que essa semana sofri com o calor. Aproveitando esse friozinho venho com mais uma Resenha, dessa vez de livro (Finalmente).

Nome:O Reino das Vozes que não se calam.
Gênero:Fantasia e Drama.
Paginas: 285
Ano:2014
Nota:♥♥
Sinopse: Se você encontrasse um lugar onde todos o aceitassem... Seria capaz de abandoná-lo? Sophie se esconde de todos e de si mesma: insegura, não consegue enxergar sua beleza e talento, e sente dificuldade em se relacionar com os outros. Seu dia a dia se perde entre os caminhos tortuosos dos que convivem com a depressão e o bullying, e a jovem aos poucos vai se fechando na escuridão de seus pensamentos. Desamparada e sem coragem de lidar com seus problemas, ela acaba descobrindo um lugar mágico: um Reino onde as vozes não se calam e as criaturas encantadas se tornam reais. Um local colorido onde ela finalmente poderá se encontrar. Dividida entre a realidade e a fantasia, Sophie contará com a ajuda preciosa de um rapaz comum e uma guardiã encantada, que lhe mostrarão os segredos da alma e a farão decidir se vale a pena enfrentar seus medos ou viver em um eterno conto de fadas.

Opinião: Pela a sinopse você já fica com aquela curiosidade? A escrita das autoras era envolvente e a leitura foi agradável e fluiu bem. Por algum motivo a historia me prendeu  até o final, pois estava com curiosidades sobre o desfecho. O livro também faz referencia a cultura pop em vários momentos do livro e inclusive cita outros títulos, o que fez com que a historia ficasse bem atual e até dar para se identificar um pouco. Agora assim, o que não gostei é que a historia ficou bem americanizada, no sentido de lembrar daquelas series teens e da mesma forma que elas me irritam, em algumas partes fiquei irritada com o livro.

14 dezembro 2015

Dorama: I Remember You/ Hello Monster

Hello Monster ( Em homenagem ao Dorama)

Tudo Bem? Estava assistindo esse dorama desde que lançou, mas devido à escola acabei deixando de lado e como estou indo para o colégio apenas dois dias, aproveitei os outros para terminar-los. Como sou fã dos gêneros mistério e thriller, sou um pouco suspeita para falar, já que, logo de cara já me apaixonei pela trama.

Nome: I Remember You/ Hello Monster.
Gênero: Misterio, Suspense, Thriller, Romance e Comédia.
Ano: 2015.
País: Coreia do Sul.
Episódios: 16
Nota: ♥♥♥♥♥ [+]
Sinopse: Quando um serial killer ataca mulheres com aparência semelhante. A Equipe Especial de Investigação Criminalista do departamento de polícia está perplexa. Enquanto Cha Ji An, uma detetive de elite, e seus colegas estão avaliando a cena do crime mais recente, o misterioso Lee Hyun aparece e imediatamente avalia atributos da marca do assassino. Hyun é um perfilador criminoso genial com uma licenciatura em psicologia criminal que recebeu um e-mail anônimo que o trouxe para a cena do crime. O assassino em série parece estar enviando uma mensagem pessoal à Hyun com as pistas que ele deixa para trás, e Hyun se pergunta se ele poderia estar relacionado a um "monstro" criminoso que escapou ao matar seu pai e ser responsável pelo desaparecimento de seu irmão mais novo. Com nenhuma pista para capturar o assassino em série, Ji An e seus colegas solicitam a ajuda de Hyun. Pode Hyun e Ji An resolver o caso e encontrar as respostas para seus passados?

Opinião: Hello Monster foi um dos poucos doramas que me conquistaram esse ano e isso se dar pela trama envolvente junto com uma boa atuação. O que acho interessante e a forma como souberam misturar aqueles momentos de suspense com a comédia e dessa forma deixa o clima bem agradável. A historia é parecida com aquelas series de investigação, já que, a cada capítulo tinha um caso diferente, mas sem esquecer do foco principal. Outra coisa que foi bem legal da parte do roteiro é que embora fosse mistério, deixava bem claro coisas que poderiam ser revelações e mesmo assim ainda teve garra prender nossa atenção. Por ultimo não posso deixar de falar, sobre algumas citações e historias que foram usadas no meio de alguns diálogos. Enfim é um dorama muito bom e você tem que assistir. 

08 dezembro 2015

Mudanças no Blog - Nova fase para o Aegyo



Olá Brigadeiros.

Tudo bem com vocês? Ah, comigo sim, obrigada por perguntar! Como dar para perceber pelo título, decidi que está na hora do blog ter um recomeço e com isso, algumas mudanças estão por vim. O blog continuará com o mesmo nome e por enquanto com o mesmo URL, estou pensando em por um domínio personalizado, na verdade eu quero, só falta a verba (rsrs) Não vou fazer mudanças radicais, porém acredito que são mudanças necessárias para melhorar o blog e espero que vocês aprovem.

02 dezembro 2015

Playlist: Melhores apresentações do Mnet Music Awards (MAMA)



Olá Brigadeiros.

Tudo bem? Comigo sim, ainda estou tentando me recuperar do MAMA 2015, responsável pelos meus ataques de surtos durante essa manhã. Muitos kpoppers tem que concordar que esse ano quando se tratou de apresentação, ele deixou qualquer um de queixo caído e se infelizmente você perdeu, não se preocupe que nesse post irá tá o Top 10 melhores apresentações, beleza?
Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo